Audiência pública proposta pelos vereadores Professor Gabriel e Eliza Virgínia discute os novos rumos para o Turismo da Capital

 Em audiência pública proposta pelos vereadores Professor Gabriel (PSD) e Eliza Virgínia (PP) que contou com a participação do vereador Carlão (DC) e de representantes de empresas, sindicatos e secretarias ligadas à área. Debateu na última segunda-feira, dia 15, na Câmara de João Pessoa, “os novos rumos do Turismo na Capital”. Para geração de emprego, oferta de produtos turísticos, desburocratização do setor e mobilidade urbana.


Os participantes cobram mais fiscalização no transporte turístico, a desburocratização do setor e também a ampliação de investimentos no Centro Histórico, com ações voltadas para o ordenamento das calçadas e das vias de estacionamento, por exemplo.

O vereador Professor Gabriel afirmou que cabe agora às partes interessadas se reunirem para colocar em prática o que foi discutido durante a audiência e, assim, fazer o turismo da cidade crescer em renda e geração de emprego.

A vereadora Eliza Virgínia destacou que alguns ajustes podem ser feitos para garantir maior rendimento e rotatividade do turismo na Capital. Problemas como algumas taxas cobradas pela Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob) e a ausência de estacionamentos para os transportes turísticos foram apontados pela parlamentar.

A secretária adjunta da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano (Sedurb), Vaulene Rodrigues, destacou os investimentos que a Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) tem feito nos últimos anos, tanto no Centro Histórico, quanto na Orla da Capital.

Ela ainda afirmou que, atualmente, o maior desafio é manter o ordenamento urbano, e informou que ações educativas estão sendo realizadas para conscientizar os ambulantes e os comerciantes sobre os pacotes turísticos da Capital.

O presidente do Sindicato dos Transportes Turísticos e Fretamento do Estado (Sintranstur-PB), Napoleão Crispim, acrescentou que os problemas que envolvem o setor vão desde a falta de estacionamentos, até a dificuldade que alguns transportes de turismo têm para se cadastrar junto à Semob. Ele ainda destacou que uma política de parceria com essas entidades foi criada, com o intuito de desburocratizar a máquina pública e fazer com que mais pessoas possam trabalhar de forma regular.

Ainda participaram da audiência pública o presidente do Sindicato das Empresas de Transporte Urbano de João Pessoa (Sintur-JP), Eulásio Cavalcante; o representante da Empresa Paraibana de Turismo (PBTur), Luciano Laporta; a representante da Secretaria Municipal de Turismo (Setur), Eleonora Bronzeado; do vereador Carlão; bem como de representantes de empresas de turismo do estado e da rede hoteleira.

Leia mais notícias no  portal www.1001noticias.com.br 

http://www.1001noticiasfm.com/  http://www.1001noticias.com.br/blog/

http://www.tv1001noticias.com.br/  no Youtube e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos.

Você também pode enviar informações à Redação do Portal 1001 Noticias pelo WhatsApp (83) 9 88 66 - 50 11. 

 

Da Redação com Roberto Noticia   

OPERAÇÃO CALVÁRIO: Propina da Cruz Vermelha pode ter financiado campanhas de Cida Ramos e Estela Bezerra

 Informações exclusivas obtidas pelo blog confirmam que a força-tarefa da Operação Calvário também começa a investigar as campanhas para a prefeitura de João Pessoa de Estela Bezerra e Cida Ramos, respectivamente no anos de 2012 e 2016.

De acordo com a delação de Leandro Nunes de Azevedo e os depoimentos dos empresários envolvidos, as campanhas de Ricardo Coutinho e João Azevedo foram financiadas com propina da Cruz Vermelha.

A suspeita agora é se as duas últimas campanha do PSB para a prefeitura de João Pessoa também foram financiadas com o dinheiro da Saúde desviado através das organizações sociais.

A suspeita pode ser ser corroborada pela delação da mulher de confiança de Ricardo Coutinho, Livânia Farias, presa há 30 dias e considerada pelo Ministério Público o “caixa” da ORCRIM girassol.

A Operação Calvário está apenas começando…

Leia mais notícias no  portal www.1001noticias.com.br 

http://www.1001noticiasfm.com/  http://www.1001noticias.com.br/blog/

http://www.tv1001noticias.com.br/  no Youtube e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos.

Você também pode enviar informações à Redação do Portal 1001 Noticias pelo WhatsApp (83) 9 88 66 - 50 11. 

 

Da Redação com Roberto Noticia e Alan Cardek 

‘LAVA IMPRENSA’: Wallber Virgolino denuncia jornalistas que recebem dos órgãos legislativos sem dar expediente e anuncia operação do Gaeco

 O deputado estadual Wallber Virgolino (Patri) fez uma postagem em suas redes sociais denunciando profissionais da imprensa que recebem dinheiro dos órgãos sem cumprir expediente. O parlamentar ainda pede que sejam instalados pontos eletrônicos não só para os deputados e servidores, mas também para os jornalistas que recebem verbas da Assembleia Legislativa.

 

E você paraibano (a), o que acha desses “toqueiros/boleiros” travestidos de jornalistas/radialistas que recebem dinheiro público para cumprirem expediente com a função direta de denegrirem a imagem de homens de bem e colocarem a áurea da honestidade em políticos corruptos? O que vocês acham do alto patrimônio desses “profissionais” que não correspondem ao que recebem de suas profissões? O que vocês acham que filhos e esposas recebam dinheiro público sem pisarem o pé nos órgãos que os remuneram?”, questiona o deputado.

Ainda de acordo com Wallber, a imprensa é a arte da informação e, por isso, não pode ser deturpada por interesses pessoais, politiqueiros e financeiros. “Sabemos que é uma minoria, pois a maioria da imprensa honra o mister. O GAECO está de olho. Vem aí a Lava Imprensa”, finaliza Virgolino. 

Confira o vídeo:

Tocador de vídeo
 
00:00
 
01:30

 Leia mais notícias no  portal www.1001noticias.com.br 

http://www.1001noticiasfm.com/  http://www.1001noticias.com.br/blog/

http://www.tv1001noticias.com.br/  no Youtube e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos.

Você também pode enviar informações à Redação do Portal 1001 Noticias pelo WhatsApp (83) 9 88 66 - 50 11. 

 

Da Redação com Roberto Noticia e  Bastidores da Política

 

E agora João?: Diário da Educação 2019 atesta que Ricardo Coutinho ainda é o governador da Paraíba

 Ao candidatar-se ao Governo do Estado em 2018, João Azevedo (PSB) foi alvo das mais inúmeras críticas, dentre elas, de ser “fantoche”, “marionete”, “pau mandado” do então governador Ricardo Coutinho (PSB) que, caso conseguisse, como conseguiu, eleger João Azevedo ao Palácio da Redenção, continuaria governando o Estado utilizando-se da caneta do atual governador. Sem muita segurança e até meio sem jeito, sempre que questionado pela imprensa sobre o assunto, João tenta convencer que é ele que está no comando da Paraíba, no entanto, chamo a atenção para o Diário da Educação 2019 que começou a ser entregue nesta terça-feira (27) pelo Governo do Estado aos professores da rede pública. O material é claro – Governador da Paraíba: RICARDO COUTINHO (em letras garrafais).

Os correligionários, amigos, até mesmo os mais fanáticos pelo projeto “ninguémsoltamãodeninguém” devem agora estar afirmando que o fato de o material trazer o nome de Ricardo Coutinho como governador não passaria e um erro, um lapso, um equívoco da equipe de criação. Antecipando-me, chamo a atenção para um segundo detalhe, a carta do governador aos professores paraibanos (Palavra do Governador), assinada pelo agora não sei se ex ou atual governador Ricardo Coutinho. Se assinou, suponho que tenha também redigido o conteúdo.

Fica agora a pergunta: O caso se tratou de uma gafe, um erro ou apenas a verdade dita nua e crua. Com a palavra o Governo do Estado.

Leia mais notícias no  portal www.1001noticias.com.br 

http://www.1001noticiasfm.com/  http://www.1001noticias.com.br/blog/

http://www.tv1001noticias.com.br/  no Youtube e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos.

Você também pode enviar informações à Redação do Portal 1001 Noticias pelo WhatsApp (83) 9 88 66 - 50 11. 

 

Da Redação com Roberto Noticia e Thiago Moraes 

Bate-boca e confusão na ALPB após Cida Ramos acusar Raniery Paulino de ter chamado Ricardo Coutinho de ladrão

 Uma confusão protagonizada pelos deputados Cida Ramos, Raniery Paulino e Cabo Gilberto encerrou mais cedo o pequeno expediente na sessão desta quarta-feira (27) na Assembleia Legislativa. No plenário, os três trocaram farpas logo após pronunciamento do deputado Hervázio Bezerra.

Na tribuna, o líder do Governo, Ricardo Barbosa, aguardava para fazer seu discurso. Presidindo a sessão, Pollyana Dutra alertou Cida Ramos para o decoro parlamentar, mas sem conseguir amenizar a discussão, ela encerrou a sessão. O áudio dos microfones do plenário foi cortado durante a confusão.

Com a sessão encerrada, Ricardo Barbosa e Tovar Correia Lima, que já se desentenderam anteriormente, tiveram uma nova discussão

Cida argumenta que Raniery chamou o ex-governador Ricardo Coutinho de ladrão, no plenário. “Eu acho que são acusações muito graves. Contra Ricardo Coutinho não pesa absolutamente nada. Como parlamentar e ex-gestora não posso aceitar esse tipo de provocação, de mentiras. Ele disse uma coisa, eu disse outra. Disse que ele gosta de ser vítima, de acusar, mas não aceita acusações”, frisou.

Paulino, por sua vez, acusou Cida Ramos de mentir. “Ela não pode colocar palavras na minha boca. Eu nunca disse isso. Tenho muita responsabilidade com o que digo”, afirmou. Para ele, a sessão foi encerrada porque os parlamentares abordaram investigação contra a organização social Cruz Vermelha.

Cida afirmou ainda que o Cabo Gilberto tentou argumentar que a sessão não foi encerrada, no entanto, a assessoria do plenário constatou o encerramento.

Leia mais notícias no  portal www.1001noticias.com.br 

http://www.1001noticiasfm.com/  http://www.1001noticias.com.br/blog/

http://www.tv1001noticias.com.br/  no Youtube e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos.

Você também pode enviar informações à Redação do Portal 1001 Noticias pelo WhatsApp (83) 9 88 66 - 50 11. 

 

Da Redação com Roberto Noticia