Audiência pública proposta pelos vereadores Professor Gabriel e Eliza Virgínia discute os novos rumos para o Turismo da Capital

 Em audiência pública proposta pelos vereadores Professor Gabriel (PSD) e Eliza Virgínia (PP) que contou com a participação do vereador Carlão (DC) e de representantes de empresas, sindicatos e secretarias ligadas à área. Debateu na última segunda-feira, dia 15, na Câmara de João Pessoa, “os novos rumos do Turismo na Capital”. Para geração de emprego, oferta de produtos turísticos, desburocratização do setor e mobilidade urbana.


Os participantes cobram mais fiscalização no transporte turístico, a desburocratização do setor e também a ampliação de investimentos no Centro Histórico, com ações voltadas para o ordenamento das calçadas e das vias de estacionamento, por exemplo.

O vereador Professor Gabriel afirmou que cabe agora às partes interessadas se reunirem para colocar em prática o que foi discutido durante a audiência e, assim, fazer o turismo da cidade crescer em renda e geração de emprego.

A vereadora Eliza Virgínia destacou que alguns ajustes podem ser feitos para garantir maior rendimento e rotatividade do turismo na Capital. Problemas como algumas taxas cobradas pela Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob) e a ausência de estacionamentos para os transportes turísticos foram apontados pela parlamentar.

A secretária adjunta da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano (Sedurb), Vaulene Rodrigues, destacou os investimentos que a Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) tem feito nos últimos anos, tanto no Centro Histórico, quanto na Orla da Capital.

Ela ainda afirmou que, atualmente, o maior desafio é manter o ordenamento urbano, e informou que ações educativas estão sendo realizadas para conscientizar os ambulantes e os comerciantes sobre os pacotes turísticos da Capital.

O presidente do Sindicato dos Transportes Turísticos e Fretamento do Estado (Sintranstur-PB), Napoleão Crispim, acrescentou que os problemas que envolvem o setor vão desde a falta de estacionamentos, até a dificuldade que alguns transportes de turismo têm para se cadastrar junto à Semob. Ele ainda destacou que uma política de parceria com essas entidades foi criada, com o intuito de desburocratizar a máquina pública e fazer com que mais pessoas possam trabalhar de forma regular.

Ainda participaram da audiência pública o presidente do Sindicato das Empresas de Transporte Urbano de João Pessoa (Sintur-JP), Eulásio Cavalcante; o representante da Empresa Paraibana de Turismo (PBTur), Luciano Laporta; a representante da Secretaria Municipal de Turismo (Setur), Eleonora Bronzeado; do vereador Carlão; bem como de representantes de empresas de turismo do estado e da rede hoteleira.

Leia mais notícias no  portal www.1001noticias.com.br 

http://www.1001noticiasfm.com/  http://www.1001noticias.com.br/blog/

http://www.tv1001noticias.com.br/  no Youtube e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos.

Você também pode enviar informações à Redação do Portal 1001 Noticias pelo WhatsApp (83) 9 88 66 - 50 11. 

 

Da Redação com Roberto Noticia   

OPERAÇÃO CALVÁRIO: Propina da Cruz Vermelha pode ter financiado campanhas de Cida Ramos e Estela Bezerra

 Informações exclusivas obtidas pelo blog confirmam que a força-tarefa da Operação Calvário também começa a investigar as campanhas para a prefeitura de João Pessoa de Estela Bezerra e Cida Ramos, respectivamente no anos de 2012 e 2016.

De acordo com a delação de Leandro Nunes de Azevedo e os depoimentos dos empresários envolvidos, as campanhas de Ricardo Coutinho e João Azevedo foram financiadas com propina da Cruz Vermelha.

A suspeita agora é se as duas últimas campanha do PSB para a prefeitura de João Pessoa também foram financiadas com o dinheiro da Saúde desviado através das organizações sociais.

A suspeita pode ser ser corroborada pela delação da mulher de confiança de Ricardo Coutinho, Livânia Farias, presa há 30 dias e considerada pelo Ministério Público o “caixa” da ORCRIM girassol.

A Operação Calvário está apenas começando…

Leia mais notícias no  portal www.1001noticias.com.br 

http://www.1001noticiasfm.com/  http://www.1001noticias.com.br/blog/

http://www.tv1001noticias.com.br/  no Youtube e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos.

Você também pode enviar informações à Redação do Portal 1001 Noticias pelo WhatsApp (83) 9 88 66 - 50 11. 

 

Da Redação com Roberto Noticia e Alan Cardek 

‘LAVA IMPRENSA’: Wallber Virgolino denuncia jornalistas que recebem dos órgãos legislativos sem dar expediente e anuncia operação do Gaeco

 O deputado estadual Wallber Virgolino (Patri) fez uma postagem em suas redes sociais denunciando profissionais da imprensa que recebem dinheiro dos órgãos sem cumprir expediente. O parlamentar ainda pede que sejam instalados pontos eletrônicos não só para os deputados e servidores, mas também para os jornalistas que recebem verbas da Assembleia Legislativa.

 

E você paraibano (a), o que acha desses “toqueiros/boleiros” travestidos de jornalistas/radialistas que recebem dinheiro público para cumprirem expediente com a função direta de denegrirem a imagem de homens de bem e colocarem a áurea da honestidade em políticos corruptos? O que vocês acham do alto patrimônio desses “profissionais” que não correspondem ao que recebem de suas profissões? O que vocês acham que filhos e esposas recebam dinheiro público sem pisarem o pé nos órgãos que os remuneram?”, questiona o deputado.

Ainda de acordo com Wallber, a imprensa é a arte da informação e, por isso, não pode ser deturpada por interesses pessoais, politiqueiros e financeiros. “Sabemos que é uma minoria, pois a maioria da imprensa honra o mister. O GAECO está de olho. Vem aí a Lava Imprensa”, finaliza Virgolino. 

Confira o vídeo:

Tocador de vídeo
 
00:00
 
01:30

 Leia mais notícias no  portal www.1001noticias.com.br 

http://www.1001noticiasfm.com/  http://www.1001noticias.com.br/blog/

http://www.tv1001noticias.com.br/  no Youtube e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos.

Você também pode enviar informações à Redação do Portal 1001 Noticias pelo WhatsApp (83) 9 88 66 - 50 11. 

 

Da Redação com Roberto Noticia e  Bastidores da Política

 

Deputado Tovar lamenta insegurança em Campina Grande e pergunta onde estão os Helicópteros Acauã

O deputado estadual Tovar Correia Lima (PSDB) lamentou, nesta segunda-feira (1º), a insegurança na Paraíba, principalmente em Campina Grande. Ele destacou o assalto a um carro-forte, acompanhado de tiroteio, ocorrido na Universidade Estadual da Paraíba (UEPB). A ação deixou um estudante e um vigilante baleados. O parlamentar cobrou providências do Governo do Estado e questionou como vem sendo usado o helicóptero Acauã 2.

“É lamentável vermos essas cenas de violência na nossa cidade. O mais triste é saber que são ações corriqueiras por falta de segurança. É preciso que o Governo do Estado adote um novo modelo de gestão para garantir a proteção da vida da população, pois sempre estamos reféns dos bandidos. A Paraíba também quer saber por onde anda o Acauã que foi entregue em período eleitoral, mas até hoje ainda não serviu para garantir a segurança dos campinenses e dos moradores da região”, disse o deputado.

Os criminosos entraram no local fingindo ser estudantes e um deles estava com um fuzil dentro de uma capa de violão. De acordo com a assessoria da UEPB, os bandidos chegaram em dois carros e assaltaram um carro-forte com malotes de dinheiro. A polícia foi acionada, mas os assaltantes já tinham deixado o local. As pessoas que estavam no prédio, entre elas estudantes e funcionários, tiveram que se esconder nas salas da Universidade no momento em que ouviram trocas de tiros no local.

Acauã – Segundo o deputado, quando entregou o novo helicóptero à população, em uma solenidade cheia de pirotecnia, o Governo do Estado disse que o novo equipamento da Secretaria de Estado da Segurança e da Defesa Social, iria reforçar o trabalho de combate à criminalidade e, a exemplo do primeiro, utilizado em ocorrências de grande porte, que envolvam policiamento aéreo, salvamento aquático, resgate de vítimas e combate a incêndios.

Leia mais notícias no  portal www.1001noticias.com.br 

http://www.1001noticiasfm.com/  http://www.1001noticias.com.br/blog/

http://www.tv1001noticias.com.br/  no Youtube e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos.

Você também pode enviar informações à Redação do Portal 1001 Noticias pelo WhatsApp (83) 9 88 66 - 50 11. 

 

Da Redação com Roberto Noticia  e Thiago Moraes 

E agora João?: Diário da Educação 2019 atesta que Ricardo Coutinho ainda é o governador da Paraíba

 Ao candidatar-se ao Governo do Estado em 2018, João Azevedo (PSB) foi alvo das mais inúmeras críticas, dentre elas, de ser “fantoche”, “marionete”, “pau mandado” do então governador Ricardo Coutinho (PSB) que, caso conseguisse, como conseguiu, eleger João Azevedo ao Palácio da Redenção, continuaria governando o Estado utilizando-se da caneta do atual governador. Sem muita segurança e até meio sem jeito, sempre que questionado pela imprensa sobre o assunto, João tenta convencer que é ele que está no comando da Paraíba, no entanto, chamo a atenção para o Diário da Educação 2019 que começou a ser entregue nesta terça-feira (27) pelo Governo do Estado aos professores da rede pública. O material é claro – Governador da Paraíba: RICARDO COUTINHO (em letras garrafais).

Os correligionários, amigos, até mesmo os mais fanáticos pelo projeto “ninguémsoltamãodeninguém” devem agora estar afirmando que o fato de o material trazer o nome de Ricardo Coutinho como governador não passaria e um erro, um lapso, um equívoco da equipe de criação. Antecipando-me, chamo a atenção para um segundo detalhe, a carta do governador aos professores paraibanos (Palavra do Governador), assinada pelo agora não sei se ex ou atual governador Ricardo Coutinho. Se assinou, suponho que tenha também redigido o conteúdo.

Fica agora a pergunta: O caso se tratou de uma gafe, um erro ou apenas a verdade dita nua e crua. Com a palavra o Governo do Estado.

Leia mais notícias no  portal www.1001noticias.com.br 

http://www.1001noticiasfm.com/  http://www.1001noticias.com.br/blog/

http://www.tv1001noticias.com.br/  no Youtube e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos.

Você também pode enviar informações à Redação do Portal 1001 Noticias pelo WhatsApp (83) 9 88 66 - 50 11. 

 

Da Redação com Roberto Noticia e Thiago Moraes 

Enquanto sobrava dinheiro para a Cruz Vermelha pagar propina, Ricardo cortava meio bilhão da UEPB

 A UEPB literalmente comeu o pão que o DIABO amassou durante os oitos anos do governo Ricardo Coutinho. No “socialismo girassol” a instituição teve uma perda superior a meio bilhão de reais e desde 2011 vive a sua pior crise econômica.

A universidade parou no tempo e sua política de expansão foi ceifada pelas prioridades duvidosas do ex-governador Ricardo Coutinho. Enquanto sobrava dinheiro para a Cruz Vermelha pagar propina em caixas de vinhos para secretários do Estado e financiar as campanhas do PSB, a UEPB passava fome.

A UEPB tinha o duodécimo cortado ano a ano, mas o hospital de Trauma, gerido pela corrupta Cruz Vermelha, aumentou o seu custo mensal de R$ 4 milhões para R$ 16 milhões, destaca publicação do site Politika.

Que coisa, né? Mas a Operação Calvário começa a explicar tais incongruências.

Criada no governo de Cássio Cunha Lima, a lei de autonomia orçamentária da UEPB representava um novo tempo para a instituição, que além de crescer em quantidade (novos campi) também cresceria em qualidade no ensino.

Mas Ricardo Coutinho assumiu o governo e o que era sonho virou pesadelo. Se em 2009, no governo Cássio, a UEPB chegou a receber 5,21% da receita ordinária do Estado, no governo do PSB esse percentual não parou de cair e hoje a instituição recebe apenas 2,8% da receita ordinária.

É como se uma família recebesse um salário mínimo em 2009, e 7 anos depois tivesse que sobreviver só com a metade. O que justifica o fato da UEPB se encontrar hoje numa situação pré-falimentar, vivendo a sua maior crise da história. Em paralelo a isso, a arrecadação do governo do estado não para de crescer, ano a ano!

Precisamos esclarecer que o discurso de crise e arrocho fiscal alardeado pelo então governador Ricardo Coutinho não se justificava num contexto em que, entre 2010 e 2018, a receita própria do Estado da Paraíba cresceu 82%, enquanto a inflação foi de 58%, ou seja, o Estado teve uma receita líquida superavitária em 24%.

Em resumo, Ricardo Coutinho rasgou a lei de autonomia financeira da UEPB e ainda mijou em cima. E tudo com o aval da Justiça, que nunca se colocou no lado da UEPB.

Mas dinheiro para as organizações sociais nunca faltou…

Leia mais notícias no  portal www.1001noticias.com.br 

http://www.1001noticiasfm.com/  http://www.1001noticias.com.br/blog/

http://www.tv1001noticias.com.br/  no Youtube e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos.

Você também pode enviar informações à Redação do Portal 1001 Noticias pelo WhatsApp (83) 9 88 66 - 50 11. 

 

Da Redação com Roberto Noticia e Thiago Moraes 

Bate-boca e confusão na ALPB após Cida Ramos acusar Raniery Paulino de ter chamado Ricardo Coutinho de ladrão

 Uma confusão protagonizada pelos deputados Cida Ramos, Raniery Paulino e Cabo Gilberto encerrou mais cedo o pequeno expediente na sessão desta quarta-feira (27) na Assembleia Legislativa. No plenário, os três trocaram farpas logo após pronunciamento do deputado Hervázio Bezerra.

Na tribuna, o líder do Governo, Ricardo Barbosa, aguardava para fazer seu discurso. Presidindo a sessão, Pollyana Dutra alertou Cida Ramos para o decoro parlamentar, mas sem conseguir amenizar a discussão, ela encerrou a sessão. O áudio dos microfones do plenário foi cortado durante a confusão.

Com a sessão encerrada, Ricardo Barbosa e Tovar Correia Lima, que já se desentenderam anteriormente, tiveram uma nova discussão

Cida argumenta que Raniery chamou o ex-governador Ricardo Coutinho de ladrão, no plenário. “Eu acho que são acusações muito graves. Contra Ricardo Coutinho não pesa absolutamente nada. Como parlamentar e ex-gestora não posso aceitar esse tipo de provocação, de mentiras. Ele disse uma coisa, eu disse outra. Disse que ele gosta de ser vítima, de acusar, mas não aceita acusações”, frisou.

Paulino, por sua vez, acusou Cida Ramos de mentir. “Ela não pode colocar palavras na minha boca. Eu nunca disse isso. Tenho muita responsabilidade com o que digo”, afirmou. Para ele, a sessão foi encerrada porque os parlamentares abordaram investigação contra a organização social Cruz Vermelha.

Cida afirmou ainda que o Cabo Gilberto tentou argumentar que a sessão não foi encerrada, no entanto, a assessoria do plenário constatou o encerramento.

Leia mais notícias no  portal www.1001noticias.com.br 

http://www.1001noticiasfm.com/  http://www.1001noticias.com.br/blog/

http://www.tv1001noticias.com.br/  no Youtube e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos.

Você também pode enviar informações à Redação do Portal 1001 Noticias pelo WhatsApp (83) 9 88 66 - 50 11. 

 

Da Redação com Roberto Noticia  

Câmara dos Deputados aprova PEC que tira poder do governo sobre o Orçamento

 O plenário da Câmara dos Deputados aprovou nesta terça-feira, 26 uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC) de 2015 que tem o potencial de tornar todo o Orçamento da União impositivo. Isso significa que o governo terá de executar obrigatoriamente as despesas aprovadas pelo Legislativo.

 
A medida, que aumenta o poder do Congresso frente ao governo federal, foi aprovada em dois turnos nesta noite. A proposta do deputado Hélio Leite (DEM-PA) já havia sido aprovada pelas comissões da Câmara. Para a conclusão do trâmite, as emendas precisam ser aprovadas por 60% dos deputados em dois turnos na Câmara e no Senado.
 
Atualmente, como o Orçamento é apenas autorizativo, a equipe econômica tem liberdade para redefinir algumas despesas. A proposta, porém, também obriga o governo a aplicar 1% da receita corrente líquida em emendas coletivas. Hoje, não há na Constituição previsão de obrigatoriedade para emendas de bancada - tradicionalmente usadas como moeda de troca para atendimento de redutos eleitorais dos parlamentares.
 
Houve consenso na reunião das lideranças da Casa para a inclusão do projeto na pauta de votações. O líder do PSL, delegado Waldir (PSL-GO), estava presente, mas não ofereceu resistência, segundo relatos de pessoas presentes à reunião.

Leia mais notícias no  portal www.1001noticias.com.br 

http://www.1001noticiasfm.com/  http://www.1001noticias.com.br/blog/

http://www.tv1001noticias.com.br/  no Youtube e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos.

Você também pode enviar informações à Redação do Portal 1001 Noticias pelo WhatsApp (83) 9 88 66 - 50 11. 

 

Da Redação com Roberto Noticia  

FAÇA-ME O FAVOR!

 Por Alexandre Garcia

 

Eu não peço desculpas pelo que estou postando, pois é realmente assim como me sinto. Por favor, saiba que esta é a minha opinião e não está aberta para debate. Se você não concorda, é sua prerrogativa, mas eu não vou responder a nenhum dos comentários.

Já sobrevivi a 08 eleições presidenciais no Brasil antes de nosso atual presidente Bolsonaro. Em toda a minha vida, nunca vi ou ouvi falar de um presidente sendo examinado sobre cada palavra que ele fala, humilhado pela mídia até a desgraça, caluniado, ridicularizado, insultado, ameaçado de morte, ter por alguns tentado denegrir a imagem de nossa Primeira Dama, e ter seus filhos também insultados e humilhados.

Estou verdadeiramente envergonhado da mídia do meu país. Tenho vergonha dos insuportáveis inimigos de Bolsonaro, que não têm moral, ética ou valores, e da irresponsabilidade dos repórteres que acham que têm o direito de opinar pessoalmente apenas para influenciar suas audiências em uma direção negativa, mesmo se não houver qualquer verdade em sua mensagem.

Todos os outros presidentes foram eleitos e fizeram o juramento de posse, eles foram autorizados a tentar servir este país sem um constante escrutínio negativo de nossas fontes de notícias. SEMPRE PRESSIONADO enquanto as fontes de notícias buscam apenas resultados negativos do nosso Presidente. Isso não servirá ao povo de nosso país, nem criará brasileiros informados. BASTA!! CHEGA!!

ACABOU!! O POVO DE BEM ACORDOU!
Não canso de repetir,se você está num avião e não gosta do piloto, você não torce pra ele cair, torce? ENTÃO FAÇA-ME O FAVOR!!!

Todos que entraram tiveram paz e tempo para trabalhar. Vamos nos unir pelo bem do nosso Brasil. Chega disso! Vamos torcer para que tudo dê certo. De coisas erradas, já estamos vindo desde tempos atrás. Você pode não gostar do presidente, mas torcer contra sua pátria, contra seu povo e contra você mesmo é muita canalhice.

Se concorda comigo, passe para a sua rede de contatos . Se não concorda, finja que não leu, pois, como disse acima, não vou responder a ninguém. 

(Jornalista ALEXANDRE GARCIA, relembrando o papel dos militares na História do Brasil)

Ronaldo Guerra assume comando do PPS na PB, após Nonato Bandeira deixar presidência do partido

 O jornalista e secretário de Governo da Paraíba, Nonato Bandeira, anunciou que está deixando o comando do PPS no Estado. A decisão foi tomada ontem durante a realização do congresso nacional do partido, em Brasília, que oficializou a troca de nome do PPS por Cidadania.

Participaram junto com Nonato do evento nacional o atual vice-presidente estadual do PPS e chefe de Gabinete do Governo, Ronaldo Guerra, e o deputado estadual eleito pelo partido, Dr Érico Djan. Em outubro, o novo partido Cidadania realiza um congresso extraordinário para aprovar um programa e o novo estatuto partidário.

Aqui no Estado, nos próximos dias, a Executiva estadual da nova legenda Cidadania será convocada para homologar a decisão que culminou com o afastamento de Nonato e aprovar a substituição no comando partidário.

“Vou propor à Executiva o caminho natural que é a ascensão do vice Ronaldo Guerra ao cargo de presidente e em seu lugar, na vice, a entrada do deputado Érico Djan, que pelo estatuto do partido, junto com o também deputado João Bosco Carneiro, já passam a ser membros natos da direção do partido no Estado”, informou Bandeira.

Nonato disse, ainda, que a mudança de nome do partido não tem nada a ver com seu afastamento. “Isso já estava previsto desde o final do ano passado; apenas aguardei a realização do congresso nacional do partido, que foi adiado de janeiro para março agora “.

Ele fez um balanço de sua passagem no comando do partido e acha que já deu sua contribuição de forma positiva. “Nesses cinco anos que estou à frente do PPS conseguimos sair de 27 diretórios para 130 no Estado. Não tínhamos nenhum deputado e nem prefeito quando assumi e hoje temos dois em cada função destas, sem falar no aumento do número de vice-prefeitos, vereadores e filiados”.

Nonato ressaltou, ainda, que fez todo esse trabalho com sua diretoria sem receber um centavo do Fundo Partidário nestes cinco anos à frente do partido.

“Creio que deixo o partido em boas condições e também em boas mãos. Ronaldo junto com os dois deputados e demais lideranças vão conseguir aumentar o número de filiados ao Cidadania e fazer chapas fortes para prefeitos e vereadores em 2020, que deve ser o objetivo inicial da nova legenda”, avaliou.

Leia mais notícias no  portal www.1001noticias.com.br 

http://www.1001noticiasfm.com/  http://www.1001noticias.com.br/blog/

http://www.tv1001noticias.com.br/  no Youtube e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos.

Você também pode enviar informações à Redação do Portal 1001 Noticias pelo WhatsApp (83) 9 88 66 - 50 11. 

 

Da Redação com Roberto Noticia